quarta-feira, 2 de junho de 2010

Investimento Consciente: Início

Olá caros leitores. Sejam bem vindos a primeira série de posts do DC: Investimento Consciente.

Muito já foi dito neste blog sobre bons hábitos e o uso consciente do dinheiro visando o aumento de riquezas e o conforto financeiro. Ficar rico é algo que exige muito suor, disciplina e tempo. É preciso também tomar as decisões de forma correta e estar sempre a par da real situação financeira.
No post 3 dicas para ficar rico , apresento-lhes a fórmula mágica pra enriquecer: poupar e investir durante um longo período.
Ok, o poupar já foi citado algumas vezes por aqui, como em: Comece a poupar hoje.
Agora chegou a vez de tratar de investimentos, ou seja, chegou a hora de fazer com que o dinheiro poupado comece a trabalhar pra você e lhe render lucros. Esse é o milagre da multiplicação do capital por meio dos Juros Compostos!
Nesse início, se faz necessário responder a uma pergunta, que é dúvida da maioria das pessoas:

O que são ativos?
 
Ativos é tudo aquilo que possuímos que nos gera rendimentos, receita.
 
Um bom exemplo nesse caso é alugar um imóvel seu a uma outra pessoa. Todo o mês você receberá a quantia correspondente a esse aluguel. Resumindo, o seu investimento (a compra do imóvel) está lhe rendendo benefícios, lucro.

No entanto, o que acontece com muita frequência é que as pessoas confundem os ativos com as posses.
 
Posses é tudo aquilo que possuímos que nos gera despesas.
 
O exemplo mais comum dessa confusão é certamente o Automóvel. Muita gente diz ao comprar um carro que este é um investimento. Mas se pararmos um pouco pra pensar, o carro é na verdade uma posse. Vamos analisar alguns fatos:

Se você acabou de comprar um carro zero, você começa a perder dinheiro no exato momento em que o carro sai da concessionária. A desvalorização é imediata.
Com o passar do tempo, o seu carro vai desvalorizando mais e mais. Além disso, lembre-se de todos os gastos com manutenção, IPVA, e a essencial gasolina (ou qualquer outro combustível). Percebeu? O carro é uma fonte de despesas, portanto, uma posse.
 
Isso dito, o foco de todo investimento é aumentar o time dos ativos. Todo investimento visa a efetivação de um lucro, seja ele à curto, médio ou longo prazo.
Então se você quer aumentar suas riquezas e alcançar o conforto financeiro, aprenda já a diferenciar ativos de posses, e comece a investir o seu dinheiro de maneira consciente.
 
Acompanhe também os próximos posts dessa série.
 
E participe! Deixe seu comentário, dúvida, sugestão, crítica,etc.
 
Até a próxima.

4 comments:

Macaco Pipi on 2 de junho de 2010 18:05 disse...

BOM ESCLARECIMENTO!

Losterh on 2 de junho de 2010 18:08 disse...

Cara, nunca soube que poderia dizer que sou uma mulher de posses. E muito menos que se dá a isso eu estar na merda, haha

Leonardo on 2 de junho de 2010 18:37 disse...

Você compra um carro e ele só desvaloriza ou no máximo mantém o seu valor de mercado que investimento bom esse não?

as pessoas confundem coisas básicas ainda por isso é tão difícil para a maioria guardar dinheiro

Karla Hack on 3 de junho de 2010 00:16 disse...

Taí uma coisa que nunca soube fazer.. investimento!
Seu post foi ótimo em mostrar bem isso!!

Parabéns!

Seguindo!

Postar um comentário